Mais um post da minha mestra Kika

decoracao-kika-duarte-auguri-tema-patinadora-2

Já falei para vocês sobre a Kika da Auguri Festas. Lembram?

Fiz alguns cursos com ela e acho as festas feitas por ela realmente diferentes.

Perguntam sempre sobre os temas escolhidos por ela, já que ela não gosta de temas comerciais.

E se você quiser saber o que ela responde, é só clicar:

Como me inspiro para criar uma decoração de Festa Infantil.

Como montar uma mesa de festa em 6 etapas

Estou trazendo uma postagem do Blog You Do It sobre como montar uma festa em 6 passos.

Acho muito lindas as imagens e as informações também são bem úteis embora eu, pessoalmente, não sou tão convencional assim nas minhas montagens.

Mas, vamos lá!! Acho que vocês também vão gostar.

1. DEFININDO O PAINEL DE FUNDO DA MESA

Como-preparar-painel-fundo-da-mesa

Você pode usar um painel de tecido, de balões, colar objetos decorativos com cuidado para não danificar a parede ou qualquer outro material que combine com o tema escolhido. Seja qual for a sua opção, é por aqui que você deve começar. Depois que você colocar a mesa, qualquer atividade atrás dela ficará mais difícil e trabalhosa.

 

2. POSICIONANDO A MESA CORRETAMENTE

Como-definir-posicao-da-mesa

A mesa deverá estar posicionada no centro em relação ao fundo da mesa. A razão principal para esta centralização é a foto! Qualquer ângulo que o fotógrafo usar, vai conseguir obter uma ótima foto.

A mesa pode ou não estar encostada no painel. Isso depende do tipo de festa e das preferências dos anfitriões.

 

3. DEFINA O POSIÇÃO DO BOLO

Como-definir-posicao-do-bolo-na-mesa

Ele deve ser o primeiro item a ser colocado pois normalmente é ele que define o centro da mesa. Usar o bolo em uma das laterias também pode ser uma opção, mas lembre-se que por ser um item grande, ele deverá ser colocado primeiro. Use uma boleira para dar um charme especial a sua decoração.

 

4. POSICIONE OS VASOS DE FLORES E OBJETOS DECORATIVOS

como-posicionar-os-vasos-e-objetos-decorativos

Estes itens normalmente ficam mais para o fundo da mesa, alinhado ao bolo. Recomendamos a utilização de vasos e objetos decorativos de diferentes tamanhos para dar mais “movimento” e deixar a decoração mais atraente.

Você precisará escolher as flores que pretende usar na sua decoração para assim, definir o vaso mais apropriado. Para saber um pouquinho mais sobre os tipos de flores mais usados nas festas infantis você pode ler este artigo que publicamos.

 

5. COLOQUE OS SUPORTES DE DOCES

como-definir-posicao-dos-suportes-da-mesa

Para uma mesa ficar bacana, o ideal é que  tenham vários suportes de doces e bandejas diferentes, tanto em relação aos tamanhos e formas quanto em relação aos seus materiais. Você pode usar porcelana com madeira, vidro com cerâmica e por aí vai. Só não misture elementos demais para não parecer uma mesa bagunçada.

 

6. HORA DOS DOCINHOS E ITENS PERSONALIZADOS

como-colocar-os-doces-no-suporte

Coloque todos os docinhos nos suportes e alguns personalizados você pode colocar diretamente na mesa. Chamamos de personalizados além dos itens de papelaria, aqueles feitos por confeiteiros como biscoitos, cupcakes, pirulitos, cake pops e muito mais.

 

ELEMENTOS FINAIS

Caso queira deixar sua festa ainda mais atraente,  você pode colocar itens no pé da mesa, tais como banquinhos, vasos de plantas, brinquedos e muito mais.

Isto é um item opcional que tem sido um tendência de uso nas festas mais bacanas vistas no Brasil e no mundo.

 

QUANTIDADES SUGERIDAS DE PEÇAS DECORATIVAS

A tabela abaixo serve somente como uma orientação inicial para você de acordo com o tamanho da mesa a ser utilizada. As quantidades são de referência e podem variar para mais ou para menos, dependendo do tamanho de cada item escolhido.

tabela-1

 

 

O Gás Hélio

Já comentei aqui que fiz alguns cursos com a Kika Duarte da Auguri Festas.

Trago um post da minha querida professora, por ser muito oportuno.

Depois que vimos um vídeo no Facebook sobre um acidente que provocou queimaduras em um menino que brincava com um balão, todas nós que trabalhamos com festas ficamos bem preocupadas!! Afinal todas usamos balões com gás hélio que realmente traz muita leveza à decoração.

IMG_20160410_093503929

 

 

Temos estruturas que substituem o gás mas prefiro usá-las quando a quantidade é pequena e a dificuldade de conseguir os balões inflados é maior, como domingos, por exemplo.

 

 

 

 

Então, segue o post que nos dá uma resposta às nossas dúvidas.

festa-limonada-auguri-festas

 

Gás Hélio: Inflamável ou não?

Essa semana mais um relato de uma mãe viralizou e sensibilizou muita gente nas redes sociais. Trata-se de um vídeo de um menino com aproximadamente 5 anos que teve parte do seu corpo queimado durante uma brincadeira com um balão de gás. A criança pressionou a bexiga que estourou e inflamou e, por sorte, não foi ferido mais seriamente. Mas o gás hélio é inflamável? A resposta é não! Certamente esse balão foi comprado em algum ambulante ou estabelecimento que misturava gases.

O Gás Hélio e o Hidrogênio são os 2 únicos gases mais leves que o ar, entretanto existem diferenças cruciais que desencadearam no acidente acima descrito. Ambos são inodoros, incolores e insípidos. Porém o Hidrogênio é altamente inflamável e reagente, enquanto o Hélio não inflama e é inerte (não reage com outros gases nem materiais). Além disso, o Gás Hélio é extraído em apenas dois lugares do mundo: nos Estados Unidos e na Turquia, o que torna 20 vezes mais caro do que o outro.

Mas e para quem compra para festas, como se proteger desse problema? Conversamos com a Elis, proprietária da Rica Festas que tem 28 anos de mercado e foi pioneira em decoração de balão utilizando o Gás Hélio. Ela nos contou que é preciso checar a procedência desse gás, no Brasil existem apenas 3 empresas que comercializam a distribuição de Hélio, uma delas é a White Martins Brasil (Praxair). Além de comercializar os balões, Elis aluga cilindros de Hélio, e seus clientes recebem uma cartilha com instruções e esclarecimentos que ilustram esse post.

 

manual-do-gas-helio-2-

Nas minhas produções, quase sempre utilizo balões de hélio pois dão leveza e movimento à decoração. Para nós, festeiras (os), fica a dica da importância de fornecedores confiáveis e com gás hélio puro e de qualidade. Sabemos que o valor do mesmo é alto, por se tratar de um gás nobre. Mas também concordamos que segurança é fundamental, certo?
Fotos: Manual do Gás Hélio Rica Festa

6 Erros de gestão comuns para quem trabalha com festas

Do site Auguri – Festas e Eventos

xQuem decide trabalhar no mercado de festas certamente tem como principais qualidades a criatividade,  desenvoltura,  adora com tudo relacionado a  temas, cores, flores peças, etc.  São pessoas que amam criar; sejam doces, balões, lembrancinhas, decorações e tem grande satisfação com o reconhecimento dos clientes e convidados após tanto esforço.

Porém quem já tem um pouco de experiência como empreendedor sabe que muitas vezes o talento e a dedicação não são suficientes para a empresa “dar certo”. Muitas vezes levamos anos para descobrir quais são as barreiras para o sucesso e muitos desistem no meio do caminho.

Separei abaixo 6 dos principais erros que eu mesma cometi lá no começo ou que foram descritos por muitos dos alunos nos cursos que tenho dado em todo o Brasil.

  1. Não definir o público-alvo: Muitas vezes começamos o negócio sem ter definido claramente quem são os potenciais clientes. É imprescindível  ter esse aspecto muito bem definido, sem ele não há como acertar no produto, no preço, na divulgação. Até mesmo o nome da empresa depende desse posicionamento. É preciso  ter muito claro qual é o tipo de cliente desejado e após isso tomar as outras decisões com foco em atender da melhor forma suas  necessidades e expectativas.
  1. Preços mal elaborados:Preço é sempre um dos temas mais polêmicos e uma das maiores dificuldades dos empreendedores de maneira geral. A tentação em baixar  os valores em função de “guerra de preços” da concorrência é sempre muito grande também no nicho de festas. Antes de mais nada é preciso conhecer a fundo os custos fixos e variáveis e adequá-los se estiverem exagerados. É preciso também entender quais são os atributos valorizados pelo cliente e demonstrar claramente que os produtos ou serviços irão satisfazer suas expectativas. Quando isso ficar claro e criar-se um valor verdadeiro para o cliente, o preço certamente terá menos relevância na tomada de decisão.
  1. Mal uso das ferramentas de marketing:  Umas das principais vantagens do marketing digital é a alta capacidade de segmentação que as ferramentas atuais permitem e a ampla possibilidade de mensuração de resultados. Muita gente ainda não sabe como lidar com essas ferramentas e acaba “queimando” toda verba em anúncios pouco efetivos. Saber lidar com esse “novo marketing” é cada vez mais crucial para o sucesso do negócio.
  1. Falta de Relacionamento com prospects e clientes: Muitas empresas fazem um esforço enorme para  conseguir contatos de “prospects” e conquistar clientes, porém simplesmente descartam esses dados, por falta de organização.  É preciso entender que a  lista de prospects e clientes  é o  principal ativo de uma empresa. Saber trabalhar com essa lista certamente fará toda diferença.
  1. Ausência de controle financeiro: Lidar com números muitas vezes não é a preferência de quem trabalha com festas. Mas saber controlar o fluxo financeiro é essencial para qualquer empresa. Com um pouco de disciplina, é possível realizar esse controle e ter muito mais tranquilidade no dia-a-dia.
  1. Falta de agilidade no atendimento: Nos dias de hoje a comunicação está cada vez mais ágil. As pessoas esperam retorno “em tempo real” de quase tudo. Demorar um ou dois dias para enviar um orçamento ou até mesmo demorar algumas horas para responder uma dúvida pode ser um fator determinante. Para evitar isso é importante padronizar ao máximo os processos e treinar pessoas  que trabalham na sua equipe. Quem souber atender o cliente com qualidade e agilidade já estará à frente de muitos concorrentes.

Para muitas pessoas o tema “gestão” pode assustar, mas com um pouco de disciplina, é possível lidar com ele de maneira simples e natural; o resultado certamente é recompensador!

Sucesso e beijos, Kika

_____________________________________________________________________

Kika Duarte é decoradora, sócia da Auguri Festas e já  ministrou cursos de decoração e gestão para mais de 7.000 alunos em todo o Brasil além de outros países como Argentina, Chile e em breve Equador.

No curso “Como gerenciar sua empresa no mercado de festas“ Kika aborda esses e outros itens importantes para a gestão da sua empresa. O curso inclui também planilhas que ajudam nesses controles.

Tendas… sucesso sempre!!!

Como vocês viram na festa de 1 ano da Heloísa, uma das opções de atividades foram as tendas da Lovely Tents .

Recebemos agora as fotos e quero mostrar a vocês detalhes. Uma produção cuidadosa sempre agrada e as crianças curtiram muuuuuuito!!

As fotos falam por si. Vamos ver, então?

Tendas

Tatá

HELOISA_-61

Vavá

HELOISA_-64

FESTA HELOISA

FESTA HELOISA

FESTA HELOISA

Como Calcular Quantidade de Doces, Bolo, Salgados e Refrigerante

Embora eu não trabalhe com buffet, faço basicamente o projeto, a execução, a montagem e a desmontagem da festa, como algumas vezes eu também faço a assessoria e produzo doces especiais como cup cakes, pop cakes, brownies, e outros, além dos bolos cenográficos ou não, constantemente as pessoas estão me perguntando sobre “quantidades por pessoa”.Por isso fiz uma pesquisa no Globo.com G1 – Receitas.com e trago aqui para vocês. Interessante que eles apresentam algumas sugestões de quais seriam os doces e os salgados, além do sabor do bolo. Mas, claro, isso fica totalmente à gosto da pessoa.Vamos às quantidades:

DSC02172

Por pessoa

  • 100 g de Bolo
  • 4 Doces
  • 12 Salgados
  • 500 ml de Refrigerante

Para 15 pessoas

  • 1,5 kg de bolo (doce de leite com abacaxi)
  • 60 docinhos (20 brigadeiros, 20 beijinhos, 20 cajuzinhos)
  • 180 salgados (45 coxinhas de frango, 45 risoles de carne, 45 kibes, 45 croquetes de milho)
  • 8 litros de refrigerante

Para 20 pessoas

  • 2 kg de bolo (doce de leite com pêssego)
  • 80 docinhos (20 brigadeiros, 20 sonho moça, 20 doce de leite ninho, 20 olho de sogra)
  • 240 salgados (60 coxinhas de frango com catupiry, 60 bodas de ouro, 60 califórnia, 60 pastel de carne)
  • 10 litros de refrigerante

Para 40 pessoas

  • 4 kg de bolo (coco com baba de moça)
  • 160 docinhos (20 brigadeiros, 20 amor em pedaços, 20 quindim e 20 sonho de moça)
  • 480 salgados (96 empadas de frango, 96 mini hot dog assados, 96 esfihas de carne, 96 risoles de milho com catupiru, 96 surpresas de lombo)
  • 20 litros de refrigerante

Para 50 pessoas

  • 5 kg de bolo (chocolate prestígio com morangos)
  • 200 docinhos (50 brigadeiros, 50 tortinhas de limão, 50 maria-mole, 50 pés-de-moleque)
  • 600 salgados (120 empadas de queijo, 120 risoles de frango com catupiry, 120 croquetes de carne, 120 ovos de codorna empanados, 120 cigarretes de presunto e mussarela)
  • 26 litros de refrigerante

Para 60 pessoas

  • 6 kg de bolo (coco com frutas)
  • 240 docinhos (60 brigadeiros, 60 cocadinhas, 60 sonhos de moça, 60 cajuzinhos)
  • 720 salgados (120 espetinhos de frango e queijo, 120 azeitnas empanadas, 120 pasteis frango de frango catupiry e milho, 120 esfihas de carne, 120 casulos, 120 bolinhos de bacalhau)
  • 30 litros de refrigerante

Para 80 pessoas

  • 8 kg de bolo (morango com leite condensado)
  • 480 docinhos (120 brigadeiros, 120 flor de ameixa, 120 brigadeiro branco, 120 olho de sogra)
  • 960 salgados (120 empadas de plamito, 120 folheados de frango, 120 barquetes fios de ovos, 120 risoles de camarão, 120 bodas de prata, 120 croquetes de carne)
  • 40 litros de refrigerante